Como Organizar o Departamento de Futebol de Formação de um Clube

foto

Descrição

A aposta na formação de jovens futebolistas é uma realidade que surge cada vez mais nos clubes de futebol. Embora muitas vezes surja enquanto necessidade, existem várias outras vantagens nesta aposta, nomeadamente:
- A nível desportivo - formação do próprio produto, o que significa que o jogador conhece o clube e que o clube conhece o jogador, o que traz óbvias vantagens.
- A nível financeiro - a formação em si, se for bem organizada traz dividendos evidentes ao clube, fora possíveis vendas de jogadores formados no clube.
- A nível social - o futebol pressupõe um conjunto de valores importantes para a formação social e de caráter dos atletas. Ao formarmos os nossos jogadores, conhecemos os valores transmitidos.

A importância que o futebol de formação tem assumido, justifica uma definição clara dos seus objetivos e de quais as regras que lhes devem estar inerentes. Tal como indica o nome e tendo em conta que estamos a falar de futebol e de formação, teremos que afirmar que o principal objetivo é a formação de futebolistas na sua plenitude no que se refere às suas competências técnicas, táticas, físicas, psicológicas e sociais para o futebol sénior em determinado contexto, porém a forma como se estrutura um clube, a definição dos vetores fundamentais de intervenção e as áreas de principal investimento são questões, hoje em dia, muito variáveis de clube para clube e que necessitam de alguma partilha de ideias dentro da comunidade de treinadores e coordenadores de futebol de formação.

Concebemos esta ação com o intuito de conceptualizar três realidades distintas das quais julgamos ser possível retirar conceitos com aderência à realidade do nosso público alvo.
Depois do enorme êxito que foi esta acção em Leiria e Viseu desta vez estaremos na Venda do Pinheiro.

Objectivos

No final da formação, os formandos deverão saber:
- Definir e caraterizar os subdepartamentos essenciais no departamento do futebol de formação;
- Conhecer os modos de funcionamento dos diferentes subdepartamentos na estrutura de uma academia de futebol de um clube de topo;
- Distinguir os diferentes contextos em que poderão estar inseridos
- Definir objetivos para o departamento de futebol de formação consoante o contexto;
- Definição de um plano estratégico que contemple objetivos específicos de forma a serem atingidos os objetivos do clube;
- Construir uma estrutura hierárquica para um departamento de futebol de formação;
- Enumerar as diferentes funções existentes num departamento de futebol de formação;
- Definir funções e tarefas para cada função dos membros do departamento (coordenadores, subcoordenadores, etc.);
- Distinguir os diferentes tipos de estrutura hierárquica consoante o contexto;
- Definir recursos humanos, financeiros e materiais que permitam sustentar o plano estratégico com vista a atingir os objetivos do clube;
- Enumerar e caraterizar os diferentes vetores de formação integral do futebolista;
- Conhecer diferentes formas de desenvolver e potenciar os diferentes vetores, relacionando com as diferentes funções da estrutura do departamento de futebol de formação

Programa

08h30m - Acreditação

Módulo 1: Bruno Batista, Departamento Técnico Clube Futebol Metodologia TOCOF - Um clube de todos, para todos.
Módulo 2: Filipe Pereira, Departamento Técnico Futebol Clube de Alverca - Um clube que está a renascer. 
Módulo 3: Filipe Antunes, Departamento Técnico Sporting Clube de Portugal - Pontos de ligação de diferentes realidades até ao topo do futebol de formação.

Intervalo para Almoço 13h00m às 14h00m

19h30m - Final da Acção


Nota

Esta acção está creditada pelo IPDJ para renovação do TPTD - 2 unidades de crédito - Componente Específica

Organização

 
  • Partners

Creditado por

 
  • Partners

Parceiros